Início / Locutores / Andrea Anes / “O maior, mais ousado e mais bonito” lutador do mundo” se foi

“O maior, mais ousado e mais bonito” lutador do mundo” se foi

Muhammad Ali faleceu na madrugada desta sexta-feira (03 de junho) aos 74 anos.

O boxeador estava internado desde quinta-feira por problemas respiratórios. Mas, esta não foi a primeira internação. No final de 2014, Ali foi internado por pneumonia e no começo de 2015 por infecção urinária. Debilitado, a lenda do boxe aparecia cada vez menos em público, pois, lutava há 32 anos contra o mal de Parkinson.

Muhammad Ali entrou para a história por grandiosos feitos no ringue: conquistou 57 vitórias, sendo 37 delas por nocaute, e 5 derrotas.  Foi o primeiro boxeador a ganhar o mundial dos pesados três vezes.

Mas, outras lutas que causam grande admiração  foram desenvolvidas pela lenda do boxe fora do ringue. Ali conquistou respeito e reconhecimento por seu ativismo político, isto porquê teve coragem para falar do racismo e lutar contra ele e para expor ideias contra a Guerra do Vietnã. Inclusive, Ali se recusou a servir o exército americano na ocasião deste guerra, em 1967 e criticou o envio de militares. Por conta da atitude, perdeu o título mundial e ficou afastado do boxe por três anos.

Muhammad Ali tinha força, em todos os aspectos. E ganhou fãs de todas as classes, profissões, etnias, por conta da postura mantida ao longo da carreira e da vida. Por isso, no dia de hoje recebe homenagens diversas, de políticos, atletas, imprensa, músicos. Grandes nomes do Rock, por exemplo, prestaram nas redes sociais homenagens ao campeão.

Muhammad Ali ficou famoso pelas frases fortes que demonstram a personalidade de garra tanto do profissional  quanto do homem que foi, é, e será para sempre.

Quando ainda atuava no boxe Ali se proclamou “o maior, mais ousado e mais bonito” lutador do mundo. No auge da carreira como pugilista, dizia que “podia flutuar como uma borboleta, mas picar como uma abelha”.

Outras frases fizeram história na vida do atleta:

“Sei aonde vou e sei o que é a verdade. E não tem por que ser o que você quer que seja. Sou livre para ser aquilo que quero ser”.

“Impossível é apenas uma palavra usada pelos fracos que acham mais fácil viver no mundo que lhes foi determinado do que explorar o poder que possuem para muda-lo. O impossível não é um fato consumado. É uma opinião. Impossível não é uma afirmação. É um desafio. O impossível é algo potencial. O impossível é algo temporário. Nada é impossível”.

Para conhecer outras frases de Muhammad Ali, clique aqui!

E para encerrar, nada melhor que uma frase do próprio lutador para homenageá-lo de acordo:

Eu fui o Elvis do boxe, o Tarzan do box, o Super-Homem do boxe, o Drácula do boxe. O grande mito do boxe”

Por: Andrea Anes

Confira também

gnr-split-gettty

Integrantes do Guns N’ Roses fofinhos? Será possível?

A Funko lança mais bonecos para homenagear figuras ilustres do rock: Axl Rose, Slash e Duff ...

rolling

Em ritmo de Blues novo clipe dos Rolling Stones é divulgado

Com lançamento marcado para 02 de dezembro, “Blue & Lonesome”, conforme revela o próprio nome ...

cadillaclogo

Cadillac’s Rock Band estaciona no programa “Os Novos do Rádio”

Na estrada desde 2005, Cadillac’s Rock Band, originada em Mococa, faz jus ao nome e ...

rusticanacomlogo

Rusticana eletriza Os Novos do Rádio

Rusticana iniciou a caminhada no rock em 2015, formada por Amauri (vocalista), Beto (guitarrista), Thiago “Ski” ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>